Professores e técnicos da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec) se reuniram, na tarde desta terça-feira (10), para definir o calendário de reposição de aulas referente ao período de paralisação dos professores.

Na ocasião, foram disponibilizadas datas para as escolas que aderiram a paralisação se adequarem e montarem, cada uma, seu próprio calendário.

O calendário deverá ser encaminhado para aprovação por comissão formada por técnicos da secretaria. Essa comissão irá avaliar a proposta de reposição, validando ou pedindo para que sejam feiras readequações.

O calendário de reposição de aulas se dá em função da necessidade do cumprimento da carga horária do período letivo para que não haja perdas para os alunos.