Para os cinéfilos de plantão, finalmente temos uma excelente notícia para o cinema brasileiro. o Filme brasileiro de 2019 ‘Bacurau’, foi indicado a melhor filme internacional ao Spirit Awards, conhecido como Oscar Independente.

 

 

Entre diversos outros filmes da principal premiação do cinema independente dos EUA, temos os filmes:

 

 

First Cow:

First Cow' Review: The Milk of Human Kindness - The New York Times

Imagem Divulgação, Filem: First Cow (Crédito Imagem: The New York Times)

 

Sinopse:

Um cozinheiro habilidoso viajou para o oeste e se juntou a um grupo de caçadores de peles no Oregon, embora ele só encontre uma conexão verdadeira com um imigrante chinês que também busca sua fortuna. Logo os dois colaboram em um negócio de sucesso.

 

A voz suprema dos blues:

A Voz Suprema do Blues: Bastidores | Site Oficial Netflix

Imagem Divulgação, Filme: A voz suprema dos blues (Crédito Imagem: Netflix)

 

Sinopse:

Durante uma sessão de gravação, aumentam as tensões entre Ma Rainey, seu ambicioso trompista e a gerência branca determinada a controlar a incontrolável “Mother of the Blues” (‘mãe dos Blues’)

Mais: Este filme estrela o último trabalho de um ator falecido, conhecido pelas suas participações nos filmes da Marvel como Pantera Negra, Chadwick Boseman.

Disponível no serviço de streaming ‘Netflix’.

 

 

 

Minari:

Rolling Stone · Indicação de Minari a Melhor Filme Estrangeiro no Globo de  Ouro causa polêmica; entenda

Imagem Divulgação, Filme: Minari (Crédito Imagem: The Rolling Stones Brasil – UOL)

 

Sinopse:

Uma família coreana abre uma fazenda no Arkansas dos anos 1980.

Mais: Este filme estrela um ator conhecido como Glenn Rhee nas participações da série conhecida ‘The Walking Dead’, Steven Yeun.

 

 

 

Nunca, raramente, às vezes, sempre:

nunca raramente as vezes sempre | Arroba Nerd

Imagem Divulgação, Filme: Nunca, raramente, às vezes, sempre (Crédito Imagem: Arroba Nerd)

 

Sinopse:

Duas adolescentes na zona rural da Pensilvânia viajam para a cidade de Nova York em busca de ajuda médica após uma gravidez indesejada.

 

 

 

Nomadland

Com Frances McDormand, Nomadland vence do Leão de Ouro em Veneza | Matinê

Imagem Divulgação, Filme: Nomadland (Crédito Imagem: Matinê Cine TV)

 

Sinopse:

Depois de perder tudo na Grande Recessão, uma mulher embarca em uma jornada pelo oeste americano, vivendo como uma nômade moderna que vive em uma van.

 

 

 

Mais sobre nossa produção:

 

O que podemos esperar de Bacurau, filme de Kleber Mendonça Filho e Juliano  Dornelles? - InC | Instituto de Cinema | Cursos de Cinema e Atuação

Imagem Divulgação, Filme: Bacurau (Crédito Imagem: Instituto de Cinema)

 

E sobre todos esses filmes já mencionados, um filme brasileiro, por fim, conseguiu se destacar. Então, veremos a sinopse deste feito brasileiro

 

Sinopse:

Os moradores de Bacurau, um pequeno povoado do sertão brasileiro, descobrem que a comunidade não consta mais em qualquer mapa. Aos poucos, eles percebem algo estranho na região: enquanto drones passeiam pelos céus, estrangeiros chegam à cidade. Quando carros são baleados e cadáveres começam a aparecer, Teresa, Domingas, Acácio, Plínio, Lunga e outros habitantes chegam à conclusão de que estão sendo atacados. Agora, o grupo precisa identificar o inimigo e criar coletivamente um meio de defesa.

 

 

Mais sobre a premiação e indicações:

 

Melhor filme

  • ‘First Cow’
  • ‘A voz suprema do blues’
  • ‘Minari’
  • ‘Nunca, raramente, às vezes, sempre’
  • ‘Nomadland’

 

Melhor filme de estreia

  • ‘I Carry You With Me’
  • ‘The Forty-Year-Old Version’
  • ‘Miss Juneteenth’
  • ‘Nine Days’
  • ‘O som do silêncio’

 

Melhor atriz

  • Nicole Beharie – ‘Miss Juneteenth’
  • Viola Davis – ‘A voz suprema do blues’
  • Sidney Flanigan – ‘Nunca, raramente, às vezes, sempre’
  • Julia Garner – ‘A assistente’
  • Frances McDormand – ‘Nomadland’
  • Carey Mulligan – ‘Promising Young Woman’

 

Melhor ator

  • Riz Ahmed – ‘O som do silêncio’
  • Chadwick Boseman – ‘A voz suprema do blues’
  • Adarsh Gourav – ‘The White Tiger’
  • Rob Morgan – ‘Bull’
  • Steven Yeun – ‘Minari’

 

Melhor diretor

  • Lee Isaac Chung – ‘Minari’
  • Emerald Fennell – ‘Promising Young Woman’
  • Eliza Hittman – ‘Nunca, raramente, às vezes, sempre’
  • Kelly Reichardt – ‘First Cow’
  • Chloé Zhao – ‘Nomadland’

 

Melhor documentário

  • ‘Collective’
  • ‘Crip Camp’
  • ‘Dick Johnson is Dead’
  • ‘The Mole Agent’
  • ‘Time’

 

Melhor ator coadjuvante

  • Colman Domingo – ‘A voz suprema do blues’
  • Orion Lee – ‘First Cow’
  • Paul Raci -‘O som do silêncio’
  • Glynn Turman – ‘A voz suprema do blues’
  • Benedict Wong – ‘Nine Days’

 

Melhor atriz coadjuvante

  • Alexis Chikaeze – ‘Miss Juneteenth’
  • Yeri Han – ‘Minari’
  • Valerie Mahaffey – ‘French Exit’
  • Talia Ryder – ‘Nunca, raramente, às vezes, sempre’
  • Yuh-jung Youn – ‘Minari’

 

Melhor roteirista

  • Mike Makowsky – ‘Má educação’
  • Lee Isaac Chung – ‘Minari’
  • Alice Wu – ‘The Half Of It’
  • Eliza Hittman – ‘Nunca, raramente, às vezes, sempre’
  • Emerald Fennell – ‘Promising Young Woman’

 

Melhor roteiro de estreia

  • Kitty Green – ‘A assistente’
  • Noah Hutton – ‘Lapsis’
  • Channing Godfrey Peoples – ‘Miss Juneteenth’
  • Andy Siara – ‘Palm Springs’
  • James Sweeney – ‘Straight Up’

 

Melhor edição

  • Andy Canny – ‘O homem invisível’
  • Scott Cummings – ‘Nunca, raramente, às vezes, sempre’
  • Merawi Gerima – ‘Residue’
  • Enat Sidi – ‘I Carry You With Me’
  • Chloé Zhao – ‘Nomadland’

 

Melhor fotografia

  • ‘She Dies Tomorrow’
  • ‘Bull’
  • ‘A assistente’
  • ‘Nunca, raramente, às vezes, sempre’
  • ‘Nomadland’

 

Melhor filme internacional

  • ‘Bacurau’ (Brasil)
  • ‘The Disciple’ (Índia)
  • ‘La nuit des rois’ (Costa do Marfim)
  • ‘Felkészülés meghatározatlan ideig tartó együttlétre’ (Hungria)
  • ‘Quo vadis, Aida?’ (Bósnia e Herzegovina)

 

Prêmio Robert Altman (entregue a diretor, diretor de elenco e elenco)

  • ‘One Night in Miami…’

 

Prêmio John Cassavetes (entregue ao melhor filme com orçamento abaixo de US$ 500 mil)

  • ‘The Killing of Two Lovers’
  • ‘La Leyenda Negra’
  • ‘Lingua Franca’
  • ‘Residue’
  • ‘Saint Frances’

 

Prêmio dos produtores

  • Kara Durrett
  • Lucas Joaquin
  • Gerry Kim

 

Prêmio para diretores promissores

  • David Midell – ‘The Killing of Kenneth Chamberlain’
  • Ekwa Msangi – ‘Farewell Amor’
  • Annie Silverstein – ‘Bull’

 

Prêmio Truer than fiction (dado a diretores promissores de não-ficção)

  • Cecilia Aldarondo – ‘Landfall’
  • Elegance Bratton – ‘Pier Kids’
  • Elizabeth Lo – ‘Stray’

 

Melhor série documental ou sem roteiro

  • ‘Atlanta’s Missing and Murdered: The Lost Children’
  • ‘City So Real’
  • ‘Immigration Nation’
  • ‘Love Fraud’
  • ‘We’re Here’

 

Melhor série com roteiro

  • ‘I May Destroy You’
  • ‘Little America’
  • ‘Small Axe’
  • ‘A Teacher’
  • ‘Unorthodox’

 

Melhor atriz em série

  • Elle Fanning – ‘The Great’
  • Shira Haas – ‘Unorthodox’
  • Abby McEnany – ‘Work in Progress’
  • Maitreyi Ramakrishnan – ‘Never Have I Ever’
  • Jordan Kristine Seamón – We Are Who We Are’

 

Melhor ator em série

  • Conphidance – ‘Little America’
  • Adam Ali – ‘Little America’
  • Nicco Annan – ‘P-Valley’
  • Amit Rahav – ‘Unorthodox’
  • Harold Torres – ‘Zero, Zero, Zero’

 

Melhor elenco em série

  • ‘I May Destroy You’

 

Aqui é o seu lugar! notícias recentes e direto ao ponto, então nos siga nas redes sociais, @portalparnapop.

Gostou das informações?! Então, siga as redes sociais do @portalparnapop e compartilhe para mais pessoas ficarem sabendo.

 

Crédito imagem principal/capa: Laguna-SC-Gov

Elaborado e postado por: Elias Freitas