O plano com nome de Sistema Único de Segurança Pública, é a nova investida do Governo do Rio Grande do Norte para combater o organizações criminosas que, assinou um acordo com o Ministério da Justiça para criar forças-tarefas. O Rio Grande do Norte e Ceará são os primeiros estados a aderirem o plano.

 

Mais detalhes:

O documento assinado nessa terça (19) em Brasília, que oficializa a união do Governo do RN e o Ministério da Justiça e Segurança Pública para criação de forças-tarefas de combate à organizações criminosas finalmente aconteceu. O acordo envolve ações com mais de uma secretaria, sendo elas a de Segurança e da Administração Penitenciária.

Segundo o secretário de Segurança do RN, coronel Francisco Araújo, as forças-tarefas que serão implementadas no RN proporcionarão a integração de instituições de seguranças a nível federal, como a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal, com as forças estaduais – Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Instituto Técnico-Científico de Perícia e Polícia Penal.

“A sociedade é quem será a grande beneficiada, pois contará com ações de inteligência, prevenção e de combate cada vez mais eficientes contra o crime organizado”, disse ele.

 

O Plano de Forças-Tarefas SUSP de Combate ao Crime Organizado tem como função reduzir os índices de crimes praticados por membros de organizações criminosas, como: latrocínio, homicídio, roubas a bancos e entre outros.

“Precisamos avançar e avançar rápido. Por isso a importância da implementação desse plano que carrega o nome do SUSP: o Sistema Único de Segurança Pública, que demanda de todos nós que atuamos na gestão, na operação, no planejamento, na construção de políticas públicas baseadas em quatro princípios: atuação conjunta, coordenada, sistêmica e integrada”, afirmou o Mendonça durante a cerimônia de assinatura dos acordos.

 

A Força-Tarefa:

O ministério da Justiça, pelo plano, vai disponibilizar local apropriado para operar como a base da Força-Tarefa, além de equipamentos de gestão de dados e informações e outros. O custeio das diárias e passagens para atuação das forças policiais também será realizado pelo MJSP.

 

Aqui é o seu lugar! notícias recentes e direto ao ponto, então nos siga nas redes sociais, @portalparnapop.

Gostou das informações?! Então, siga as redes sociais do @portalparnapop e compartilhe para mais pessoas ficarem sabendo.

 

Crédito Imagem Principal/Capa: Daniel Estevão/MJSP/Divulgação