Na última quinta-feira (22), a Polícia Federal participou de uma operação para combater o tráfico internacional de peixes silvestres brasileiros nos Estados Unidos da América. Dessa forma, pode-se afirmar que os mandados de busca e apreensão aconteceram em Iowa, Los Angeles e Maryland, todos estados norte-americanos.

Na residência de um dos alvos desta operação da PF, no estado de Maryland, foram encontrados 200 tanques de peixes killifish, a qual encontra-se atualmente ameaçada de extinção – todos mortos em aquários. Somado a isso, foi encontrado também centenas de ovos, os quais possuem características de resistência a ambientes considerados extremos e períodos prolongados de desidratação.

Nesse contexto, a Polícia Federal afirma que a maior parte de todos esses animais haviam sido pegos em localidades de origem pública, em território brasileiro. Assim, os peixes juntamente com os ovos costumavam ser anunciados e vendidos em plataformas virtuais e enviados através do serviço de entrega dos correios. De acordo com as informações da Polícia Federal, os agentes e investigadores da causa conseguiram identificar uma rede a nível global com aproximadamente de 84 indivíduos, em 24 países.

Referência das Informações: G1/Brasil